Feliz Ano Novo (agora???)

>> quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Outro dia escrevi um post da Mirian Goldenberg que se chamava Nem marido, nem namorado, vocês se lembram?
Então, hoje, resolvi postar um outro artigo dela, que foi publicado na Folha Equilíbrio de 11/01/2011, porque descobri que gosto muito das coisas que ela escreve. Vamos lá?
Tá bom, sei que hoje já é dia 20/01, mas acho que sempre é tempo para mudanças, quando elas são para melhor, claro!


FELIZ ANO NOVO
Veja matéria completa aqui

Inspirada em Leila Diniz, repetirei silenciosamente um mantra nas situações difíceis de 2011

MINHAS RESOLUÇÕES para o Ano-Novo:

- Em primeiro lugar, rir muito mais. E também:
- Cantar mais;
- Dançar mais;
- Dizer mais não;
- Curtir amigos e amigas;
- Namorar mais;
- Não levar a vida tão a sério e não ficar obcecada com pequenos problemas;
- Não me importar tanto com a autoimagem;
- Não me preocupar com a opinião dos outros;
- Não tentar agradar a todo mundo;
- Ser mais leve;
- Estar com pessoas divertidas e relaxadas;
- Ver mais comédias e shows divertidos;
- Fugir de pessoas pesadas e invejosas;
- Ignorar os maledicentes;
- Buscar prazer no dia a dia;
- Ser menos crítica com os outros e comigo mesma;
- Transformar tragédia em comédia;
- Não me cobrar tanto;
- Não me comparar com os outros;
- Gostar mais de mim;
- Ser minha melhor amiga;
- Ser simples;
- Conviver mais com crianças e brincar mais;
- Viver cada dia como se fosse o último;
- Ter conversas descontraídas e engraçadas;
- Receber muita massagem;
- Chorar no momento que tiver que chorar;
- Ouvir e falar besteiras;
- Deixar que riam de mim e rir com eles;
- Perder a vergonha de mim mesma;
- Ter menos culpa;
- Ser cada vez mais espontânea e verdadeira;
- Ser "meio Leila Diniz".

Afinal, Leila dizia: "Sou uma pessoa livre e em paz com o mundo. Conquistei a minha liberdade a duras penas, rompendo com as convenções que tolhiam os meus passos. Por isso, fui muitas vezes censurada, mas nunca vacilei, sempre fui em frente. Tudo que fiz me garantiu a paz e a tranquilidade que tenho hoje. Sou Leila Diniz, qual é o problema?"

Inspirada em Leila Diniz, pretendo, em 2011, repetir um mantra em diferentes situações que me fizerem sentir insegurança, inadequação, medo, frustração. Um mantra que irá me proteger de vaidades, invejas, violências físicas e verbais, politicagens, fofocas, desrespeito, falta de gentileza e de reconhecimento e competição exacerbada tão presentes no Brasil hoje.
Imitando Leila Diniz, repetirei o mantra, silenciosamente, nos momentos difíceis de 2011: "Sou Mirian Goldenberg, qual é o problema?"

E você, leitor, quais são suas resoluções para 2011?

(MIRIAN GOLDENBERG, antropóloga e professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro, é autora de "Por Que Homens e Mulheres Traem?"(Ed. BestBolso))

Eu acho que isso são coisas que a gente realmente quer, mas, acabamos nos esquecendo de cumprir essas propostas.
Eu fiz o seguinte: Imprimi e coloquei na frente da minha mesa de trabalho, assim, vou ler muito mais vezes, e consequentemente, me lembrarei muito mais. Se quiser, pode fazer a mesma coisa (eu deixo, tá?).
Também já iniciei o ano fazendo algumas promessas que já comuniquei aqui em casa.
- Este ano vamos passar a ir em mais shows. Não me perdoo por ter perdido o do Paul Maccartney no ano passado. Tinha que ficar na fila pra comprar? Tinha, mas fazer o quê?
Custava caro? Sim, custava, mas se não fui em nenhum show no ano inteiro, gastava nesse e pronto. Não me arrependeria depois.
- Sobre conviver mais com crianças: Hoje mesmo iremos para a praia e levaremos 2 sobrinhos de 5 anos, o Isaac e a Anna. Faremos castelos de areia, vamos surfar, tomar muito sorvete. A preocupação da Anna é saber se a tia Macá deixa pular no sofá, coisa que eu já liberei.
Afinal, sou a Macá, qual é o problema?

E vocês, fizeram algumas resoluções para este ano? São algumas dessas descritas ou outras?
AH! me conta vai!

beijos

14 comentários:

Leci Irene 20 de janeiro de 2011 14:05  

Macá... vou roubar... sim, algumas coisas da tua lista vou levar na minha sacolinha prá colocar nas minhas intenções...
Beijos

Siala 20 de janeiro de 2011 14:27  

Macá, fabuloso!! Adorei o liberar o salto no sofá!! É assim mesmo! Não conhecia a Leila...me identifico a 100%!
Namasté

Iara 20 de janeiro de 2011 16:41  

Macá, vou copiar, colocar bem perto de mim para ler, reler e nunca esquecer.
Sobre leila Diniz, ela era mais que especial com certeza.
Beijos

Luzia Lira Pedagoga 20 de janeiro de 2011 17:12  

Adorei esse texto. Como é lindo!!!Quero mantê-lo sempre próximo para ter certeza que não vou esquece-lo.Parabéns pela escolha do texto. Muito pertinente. Estava lendo textos pela net quando deparei com esse no seu Blog. Parabéns pelo Blog. Adorei. Bjos Luzia

Bordados e Retalhos 20 de janeiro de 2011 17:48  

Amiga não consigo fazer resoluções. Sinto que enquanto não resolver certas pendências minha vida fica meio bagunçada mesmo. Então todas as listas que faço tendem a serem esquecidas. Mas de qualquer forma preciso estar mais equilibrada em 2011, aceitar o que não posso mudar e seguir com tranquilidade. Bjs

Lúcia Soares 20 de janeiro de 2011 19:12  

Macá, li a Siala primeiro e depois vim aqui.
Gostava da Leila Diniz, mas que ela era meio "louquinha" é certo, né? Talvez por estar muito à frente do seu tempo. O biquini na gravidez achei o máximo, acho que é uma experiência que toda mulher devia ter.
Quanto às resoluções da Miriam, parecia que era eu que escrevia!
Só que não sei o quanto deixaria de me preocupar com o que pensam de mim. Este é um dos meus mais sérios problemas...rsrrs
Também foi guardar a lista.
Beijo!

welze 20 de janeiro de 2011 22:39  

que delícia de postagem. bom humor é uma coisa que não pode faltar nem no começo nem durante o ano. é um bom tempero para a vida. um abraço

Nilce 21 de janeiro de 2011 01:32  

Oi Macá

Coisas que realmente temos que fazer o ano todo. Aproveitar cada dia e viver. Com muita alegria e felicidade, mesmo que em alguns momentos a tristeza venha, não podemos deixá-la nos abater.
Adorei o post.

Bjs no coração!

Nilce

Cris França 21 de janeiro de 2011 08:06  

Macá

Vim hoje te dar um beijo especial e agradecer por vc fazer parte da minha historia, tem um selinho para você lá no Canto.

Socorro Melo 21 de janeiro de 2011 11:33  

Oi, Macá!

Cada dia que passa sinto mais essa necessidade de ser eu mesma, de me agradar mais, de não me importar com o que os outros pensam ou acham, sobre mim. Quero apenas estar em paz com a minha consciência, e aproveitar cada segundinho da minha vida, de forma intensa.
Pra este ano? Vou contar: pretendo realizar a viagem dos sonhos... não me pergunte como, kkk, mas, estou determinada:)

Beijos
Socorro Melo

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez 21 de janeiro de 2011 23:24  

rs... tá valendo, Macá! O ano começa depois do carnaval, me disseram. E no dia 3 de Fevereiro por aqui, com o novo ano chinês rs
Esse post é maravilhoso! São resoluções ótimas, para todos nós. Ainda mais inspirado em Leila Diniz.

feliz ano novo, minha querida amiga MAcá, gosto muito de vc.

Iram M. 23 de janeiro de 2011 20:47  

Maravilhoso, Macá.
Nao conhecia a Leila, vou procurar conhecer o trabalho dela, vale a pena vc tem razao.

Tudo bem com vc? Tomara.

Beijo, amiga

Cantinho She 24 de janeiro de 2011 09:43  

Oi Macá, ainda te aguardo lá na minha blogagem, pois como vc tinha dito que iria participar, estou te aguardando... Qualquer coisa me avise, tá?! A festa foi linda, mas senti a sua falta!

Quanto ao seu post eu adorei e a Leila Diniz é sinônimo de mudanças, coragem, novidades... Show!

Beijo, beijo!
She

Anônimo 24 de janeiro de 2011 14:58  

found your site on del.icio.us today and really liked it.. i bookmarked it and will be back to check it out some more later

Related Posts with Thumbnails