GÊNESIS, REVISTO E AMPLIADO

>> segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Quem me acompanhava aqui no blog sabe da minha admiração pelo Antonio Prata. Antes às quartas-feiras e agora aos domingos, a primeira coisa que leio no Jornal Folha de São Paulo é a sua coluna. Com isso meu marido e meu filho fizeram disso também uma leitura obrigatória mas ............... excelente.
Leiam e vejam; eu não tenho razão de gostar?

Visto que se aproximava o sétimo dia,
Deus disse: 'Que a meia fure, que a privada entupa,
que a internet caia...'

Então o Senhor Deus disse a Adão: porquanto deste ouvidos à tua mulher, e comeste da árvore que eu te ordenara não comesses: maldita é a terra por tua causa; com o suor do rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porque tu és pó e ao pó tornarás.
     E, vendo o Senhor Deus que Adão fazia-se de desentendido, disse: espera, que tem mais; não só custará o pão o suor de teu rosto, como aumentará a circunferência de tua barriga, e a circunferência de tua barriga desagradará à Eva, e Eva te dará chuchu, e quiabo, e linhaça, e couve, e outras ervas que dão semente e leguminosas que dão asco, e delas usarás como alimento, em teus dias de tribulação.
     E disse também o Senhor: porquanto comeste da árvore, porei em teu encalço insetos peçonhentos, e serão pernilongos nas cidades, e nas praias borrachudos serão; e ordenarei que te piquem bem na pelinha entre os dedos dos pés, e que zunam em teus ouvidos, e nas noites sem fim recordar-te-ás de teu criador.
     Não satisfeito com os castigos, continuou o Senhor Deus: que destas ventas por onde soprei a vida escorra muco, e que seja frio e pegajoso como as escamas da serpente, e caudaloso como as águas do Jordão, e que brote numa sessão de cinema, ou na Sala São Paulo, e que tenhas à mão somente uma folha de Kleenex, e que com ela te enxugues e te assoes, até que se esfacele a última fibra de celulose, marcando teu rosto com inumeráveis pontinhos brancos, como marcarei a face pecadora de Caim.
     E assim vagarás pela terra, disse o Senhor Deus, pois grande é teu pecado. E disse mais: cansado de perambular pela terra, inventarás o automóvel, mas o automóvel só fará multiplicar o teu cansaço; e gastarás metade de teus dias na Rebouças, e roubarão teu estepe, e te esquecerás do rodízio, e os pontos de tua carteira excederão o máximo permitido pelo Detran, que será 21, e andarás de táxi, e ouvirás elogios ao massacre do Carandiru, e diatribes contra médicos estrangeiros, e sentirás na carne a miséria de tua descendência.
     Em vão, buscarás refrigério em viagens, mas quando no aeroporto estiveres, e chegares ao portão 4, alto-falantes te mandarão para o 78C; e quando o 78C alcançares, serás mandado de volta ao portão 4, e faminto pagarás R$ 16 num pão de queijo e numa Coca, e a Coca será de máquina, e o pão de queijo estará frio.
     Então, visto que se aproximava a viração do sétimo dia, Deus se apressou, e disse: que o sal umedeça, que o bolo seque, que a meia fure, que a privada entupa, que o dinheiro escasseie, que o cupim abunde, que a unha encrave, que a internet caia, que o time perca, que a criança chore, que o churrasco do teu cunhado seja melhor que o teu, e que todos assim concordem, inclusive Eva, e que, largado num canto da varanda, com tua Kaiser quente na mão, te lembres que eu sou El Shaddai, e que estou acima de todas as coisas, inclusive de tua careca, que não temerá a finasterida, não aceitará o minoxidil nem reagirá às preces que, em vão, me enviarás.
     E, dizendo isso tudo, o Senhor Deus lançou Adão para fora do jardim do Éden, e lançou Eva para fora do jardim do Éden, varão e fêmea, os lançou.
(Antonio Prata)

beijos

2 comentários:

Beth/Lilás 2 de setembro de 2013 23:05  

Fan-tás-ti-co! Esse Antonio Prata é o cara, vai escrever bem assim lá na tonga da mironga. hehe
Realmente é o tipo de escritor que nos prende toda a semana, sempre em busca de textos inteligentes e de bom humor, que retratam nossa lida diária, se iguala ao cidadão comum e por isso tantos o leem e admiram.
Amei!
beijos cariocas


Camille 31 de outubro de 2013 12:20  

Faz todo o sentido, o homem mordeu a maçã e a partir dali veio o mal-estar na civilização. Coisa que seu amigo aponta bem. É a vida. Mas é bonita, é bonita, é bonita, apesar de tudo.
Vi um comentario teu no meu blog, um comentario antigo. E achei bacana, vom conhecer o teu bLOG. Gostei, vou ficar freguesa. Bjossss
cameiadepedra.blogspot.com

Related Posts with Thumbnails